31 de outubro de 2012

Halloween vs "bolinhos e bolinhós"

Se há "festividade" (ou pseudo-festividade) à qual não consigo ver piada nenhuma é ao Halloween e tenho andado os últimos dias a desviar o assunto e a desejar que o meu filho não se lembre de pedir para vestir-se de esqueleto, fantasma ou zombie... 

Quando era miúda ia com os meus primos cantar os bolinhos e bolinhós de porta em porta na rua da minha avó, um levava a abóbora com uma vela acesa dentro, outro o saquinho onde carregávamos os doces, nozes e dinheiro que nos davam e todos cantavamos. Quem dava levava com um "esta casa cheira a vinho aqui mora algum santinho" (?! pois, nunca percebi) ou "esta casa cheira a broa aqui mora gente boa", quem não dava era enxovalhado com um "esta casa cheira a alho aqui mora algum espantalho", mas por norma era uma noite lucrativa e animada porque nos cruzávamos na rua com outros grupos de crianças e os adultos ficavam em casa à espera das visitas alheias e do regersso dos seus.
Se, no entanto, o meu filho resolvesse partir à aventura com os seus amigos a cantar os "bolinhos e bolinhós" de porta em porta na noite escura, eu deixava? 
No way, muito perigoso... 

4 comentários:

  1. eu gosto das abóboras, de resto não acho piada... ah, gosto muito dos bolos que se fazem por aqui nesta época, são muito bons e calóricos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim decorar abóboras é giro mas da parte das fantasias nah :)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Ora aqui está o único post que li sobre a matéria com o qual me identifiquei.
    Boa, Cat!! : ))
    Lembro-me dos "bolinhos e bolinhós" e não faço ideia do que é isso do "Pão por Deus". Aqui e na terra dos meus Avós, isso nunca se usou. Nós íamos, não com abóboras, mas com caixas de sapatos decoradas com carantonhas e com uma vela lá dentro (how dangerous is that??)
    Halloween, cá em casa, é só um pretexto para fazer coisas com a miúda, e dar-lhe nome mais nojentos como baba de aranha preta, dedos de bruxa, ranho e olhos de morto. Mas é tudo comestível e, modéstia à parte, maravilhoso... : )))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso mesmo, eu também só ouvi falar no "Pão por Deus" na tv...
      E sim, também cheguei a fazer os "bolinhos e bolinhós" com caixa de sapatos recortada e decorada e com a vela a arder lá dentro (devíamos ter uns pais e avós muito negligentes ehehehe)! E claro que tinhamos de levar a canção afinada, não era só chegar a uma porta e gritar "pão por Deus", que graça teria isso??

      Abraço

      Eliminar