7 de fevereiro de 2013

Destralhando

O minimalismo vai mesmo começar cá por casa, de mansinho. E vai começar pelo meu quarto, é que com os gémeos houve um acréscimo de "tralha" assim sendo, é hora de tirar coisas minhas desnecessárias (revistas, caderninhos e coisinhas nas quais fico sem mexer meses). O meu marido vai gostar. Sim porque ele tem muito menos coisas do que eu (ainda que de melhor qualidade) e acho mesmo que é um grande minimalista em potencial. Vamos ver se é desta, o que me anima é a perspectiva de ter menos coisas para arrumar e para limpar, o que seria muito bom numa casa que de 3 passou a ter 5 habitantes e respectivas tralhas!

3 comentários:

  1. Gosto da reinvenção do nome tralha para verbo! :)))

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh eh, não é original meu mas é giro ;)

      Eliminar
  2. destralhar é muito importante, agora que tenho menos coisas vejo bem a diferença, mesmo assim ainda estou longe... quero ser como o teu marido, muito menos coisas - principalmente em relação a vestuário e calçado - mas de melhor qualidade.

    ResponderEliminar